Pesquisar este blog

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Tomo meu destino nas minhas mãos.

Tomo meu destino em minhas mãos.
Nada haverá de me deter na luta pelos meu sonhos.
Nada será maior que o meu coração.
Ninguém mais verá meus olhos tristonhos.

Tomo meu destino em minhas mãos.
E recolho as palavras que disse ao meu pensamento;
E, as transformarei todas em ação;
Nada será obstáculo, nem mesmo o tempo.

Tomo meu destino em minhas mãos.
E, recolho todas as promessas não cumpridas.
O sonho de ontem é hoje a minha oração.
Toda a passividade agora é a saída.

Tomo meu destino em minhas mãos.
O peito sangrando não será desculpa para desistir.
Os pés dilacerados ouvirá o grito do teu coração;
E saberá, sempre, o caminho a seguir.

Tomo meu destino em minhas mãos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário