Pesquisar este blog

domingo, 20 de março de 2011

Por que devemos seguir adiante com coragem e virtude.

Há momentos na vida que não conseguimos ver sentido em tudo que vivemos  e fazemos. Olhamos em volta de nós e vemos sempre a mesma rotina. Sejamos pais, mães, filhos, amigos. Olhamos e vemos sempre o mesmo circulo de acordar, alimentar, trabalhar, descansar, dormir. Olhamos para o futuro e vemos um eterno circulo que acaba com a velhice e a morte.
Muitos de nós ficamos tristes. Não sabemos por que as coisas são assim. Alguns de nós conseguimos ver apenas o sofrimento,a dor, a tristeza. Quando paramos um pouco chegamos a pensar que a culpa é sempre das pessoas que estão a nossa volta, e as vezes, culpamos mesmo até Deus por nossas desventuras.Ficamos tristes pelos amores perdidos, pelas experiências não vividas, até mesmos por aquilo que podíamos ter feito e não fizemos. Os sonhos que deixamos para trás, os sonhos que vivemos, os sonhos que apenas sonhamos; qual sentido tem tudo isso em nossa existência?
Então olhamos para a vida e ficamos tristes. A tristeza invade nosso coração de tal forma que tudo parece ficar escuro. O sol não brilha, a lua e as estrelas não aparecem. Não conseguimos sequer ver beleza na água que cai da cachoeira, ou no sorriso de uma criança. E aqueles que são pais, olham para os filhos e chegam a lastimar por tê-los. Então, no auge de nossa dor e agonia, em meio a anti-depressivos, as vezes, nos perguntamos: Por que devemos continuar? Por que devemos seguir adiante?

Talvez esta não seja a pergunta certa. Talvez a pergunta deveria ser por que estamos aqui, e, ainda, o que somos afinal? Talvez esta hora seja a hora de olharmos para dentro de nós, e, se o fizermos descobriremos uma força que não se pode medir. Descobriremos que tudo que buscamos está bem perto de nós, dentro de nós, no nosso coração. Descobriremos que o nosso coração é a unica porta pela qual tanto o mal quanto o bem pode entrar em nossas vidas. E olhando mais ainda para dentro do nosso coração, ouviremos uma voz que nos diz que existe um Deus do nosso coração que tudo pode e que nos fortalece. Conscientes desta força perguntar por que devemos seguir adiante perde o sentido por que compreendemos a nossa participação na história do humanidade, na nossa história e na história daqueles que amamos. Conscientes desta força não acreditamos mais em amores perdidos, não acreditamos mais em sonhos não vividos. E vemos que tudo que tínhamos que viver, vivemos; acreditamos que tudo aconteceu a tempo e a hora, e que nada, absolutamente nada acontece por acaso.

Descobrimos então, que toda a luz que procuramos está dentro de nós e que todo o tempo nada tinha a ver com os outros, apenas com nós mesmos. Aprendemos, então, que nascemos sozinhos, e, que iremos morrer sozinhos. A vida é uma jornada na qual encontramos e des-encontramos; as vezes alguns ficam pela estrada e nós seguimos adiante; outras vezes, nós ficamos parados. No entanto, é apenas uma jornada. O pensamento firme nos ajuda a caminhar sempre, a continuar, a onde ir, ou as vezes, e quando necessário voltar. É preciso ter coragem, é preciso ter amor, e entender, que o amor da pessoa amada é aquele amor que está dentro de nós que nos faz prosseguir, mesmo quando tudo parece escurecer.

É assim a vida. Uma jornada na qual devemos sempre seguir em frente. Tocar em frente como diz Almir Sater. Tocar em frente, andando devagar por que vale a pena viver. É da nossa respiração que vive a pessoa amada onde que que esteja. Sempre existem motivos para continuar, e, o maior motivo é que o Deus que está em nosso coração é o Deus que nos fez sentir o amor e o quanto é belo e vale a pena amar. Viva hoje, siga adiante. Não deixe nenhuma tristeza impedir que veja os raios de sol quando noite passar.



Nenhum comentário:

Postar um comentário