Pesquisar este blog

sábado, 18 de junho de 2011

O Governador Marconi e as Esperanças do Nordeste Goiano.



Esta semana que se encerra o nordeste goiano renovou suas esperanças. Considerada a região mais pobre do estado de Goiás, já foi chamado de “corredor da miséria”, já foi esquecido, abandonado e tratado com desprezo por diversos governantes. Embora tenha tido nos últimos anos um representante na Câmara Federal ( Pedro Chaves, PMDB), e quase sempre um deputado estadual (  nos últimos mandatos dois, sempre um por Formosa, e outro pelos demais municípios), o nordeste goiano não consegue fazer com que as reivindicações de seu povo seja ouvida.
No atual mandato, a região estão fortemente contemplada no campo político. Possui um Deputado Federal ( Pedro Chaves, PMDB), um Deputado Estadual com domicilio eleitoral em Alvorada, e votos nos vintes municípios da região ( Iso Moreira, PSDB); e ainda conta com a simpatia do Vice-Governador José Éliton, considerado um filho da cidade de Posse. Com toda esta força não é de se espantar a grande vitória que teve o Governador Marconi Perillo na região, e menos ainda, as visitas recorrentes que tem feito o governador e seu vice aos municípios. Na última e auspiciosa visita foi anunciada uma séria de realizações, sendo a principal, o “Luz para Todos”, que certamente vai contribuir para aumentar as possibilidades de desenvolvimento da região.
O lançamento do “Luz para todos” na cidade de Campos Belos, mais do que o cumprimento de uma promessa de campanha é um símbolo da importância que o vice governador está dando para  a região, já que o mesmo é Presidente da CELG – Centrais Elétricas de Goiás; e que pode ser um sinal de que todo o governo poderá, finalmente, investir no nordeste goiano e descobrir as riquezas que esta região pode ajudar o estado a produzir.
No entanto, nem tudo são flores. O grande problema do Nordeste Goiano pode estar no próprio Nordeste Goiano, e creio que está. No caso da cidade de Campos Belos, os velhos coronéis já se organizam para continuar no poder, não permitindo o surgimento de nenhuma nova liderança. A história é repetida nas demais cidades ( Posse, Alvorada, Simolândia, Iaciara, Alto Paraiso, Divinópolis, São Domingos, Guarani, Teresina, Monte Alegre, Cavalcante, Nova Roma, São João da Aliança, para citar apenas algumas); e na medida em que o governo se apresenta, os interesses da pequena elite acaba impedindo o desenvolvimento social da população.
Felizmente, a presença da UEG ( Universidade Estadual de Goiás), na cidade de Posse e Campos Belos; a presença da Universidade Federal do Tocantins na cidade de Arraias, que também exerce influência no progresso social, tem contribuído muito para esclarecer a população, levando muitos a compreender os seus direitos de cidadania frente ao atraso do pensamento das elites mal formadas. O governador contribuirá mais aumentando o número de professores efetivos da UEG, o que diminuirá  a influência dos pequenos coronéis, que julgam no direito de perseguir aqueles que descobrem ter o direito da livre expressão. No nordeste Goiano ter mestrado ou doutorado é quase um defeito e, motivo de ser maltratado pelas autoridades locais.
Outra medida que o governador muito pode ajudar é aumentar a rede de proteção social, aliada a uma rígida fiscalizando; ao mesmo tempo procurar atrair empresas que façam investimento na região para gerar empregos para os novos estudantes que saem do ensino superior. Investimento na agricultura, sobretudo na familiar, muito pode mudar o cenário de alguns municípios. Tudo isso deve ser feito procurando abrir espaços para novas lideranças, novas mentalidades, e aliado a uma forte educação política e formação para a cidadania.
Enfim, uma postura firme do governador não admitindo perseguição política dos membros de sua base, ( afinal, na base do governador também tem alguns péssimos coronéis), para que gente simples do povo perceba que o nordeste goiano vive de fato um novo momento, um momento de esperanças, de renovação de esperanças, mas sobretudo um momento de mudanças para melhor. Mudanças na economia, no social, na educação, no mundo do trabalho. A alforria esperada de um povo que já está cansado de sofrer. E o nordeste Goiano saberá agradecer ao Governador Marconi Perillo, pois esta nossa terra é uma terra de gente de bem, de um povo grato, de um povo de bom coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário