Pesquisar este blog

sábado, 19 de dezembro de 2015

Poucos querem a Justiça


A observação da mudança de humor nos jornais e nas redes sociais revela que existe uma parcela muito pequena da população brasileira que realmente anseia por justiça. A grande maioria quer mesmo é preservar seus interesses de classes, corporativos, e ou privados mesmos.  Senão vejamos alguns sinais:
1.    Quando Dilma chamou Joaquim Levy para o Ministério da Fazenda na minha opinião tentando segurar o conceito de bom pagador do Brasil, o que beneficiaria toda a coletividade, boa parte dos que votaram nela começaram  a dizer que ela tinha virado uma tucana, traidora do petismo, como se um presidente tem de estar subordinado a um partido;
2.    Quando Marina resolveu apoiar Aécio no segundo Turno os tucanos bateram palmas. Marina era sábia. Quando praticamente pelos mesmos motivos Marina resolveu que não apoiaria um pedido de impeachment que agora o STF demonstra que ela estava correta, ou seja, um pedido viciado e eivado de ilegalidades Marina é Petista e membro do Quadrihão PT;
3.    Quando o STF condenou todos os participantes do Mensalão Petista o STF era uma casa de leis maravilhosa e justa; a prisão de Delcídio Amaral então foi vista como uma vitória da Democracia; Quando o mesmo STF tomou uma decisão que contrariou a oposição e coloca em risco o plano do impedimento da presidente já aparece dossiês colocando o STF como membros do Quadrilhão Petista;
4.    De um lado como de outro é a mesma história. Cada um dos lados já se definiu como sendo o bem e outro lado como sendo o mau e as trevas, não cabe em nenhum sentido uma terceira possibilidade. E quando todos são obrigados a concordar, sim, nesse caso a Democracia está em risco.
5.    Todos Sabiam que o Cunha é corrupto. As provas estão ai por todo lado. Entretanto, a nata da república entendeu que deveria jogar a ética e a moral no lixo e dar as mãos a cunha para tentar derrubar a presidente; uma ética maquiavélica, desumana e cruel que lançou a todos no pântano da corrupção.
6.    Depois de anos quando o primeiro Tucano é condenado no Mensalão Tucano, a mesma justiça que condenou o mensalão Petista e foi aplaudida por isso, foi chamada de justiça manietada e colocada a serviço de um partido. O que assusta é que nesse caso o crime e grande parte dos autores são os mesmos, alguns inclusive, os  mesmos condenados no mensalão petista, ou seja, o mesmo crime.

7.    Há muitos sinais outros de que há uma grande parcela da população não está em busca de justiça, não está em busca do bem coletivo, não está em busca da construção de uma sociedade melhor. No final, todos só querem um meio de continuar a tirar vantagem de uma sociedade injusta e desigual, e outros, querendo começar a tirar vantagem e proveito pessoal e poucos, poucos pensando em humanizar ou tornar melhor a sociedade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário