Pesquisar este blog

sábado, 6 de abril de 2013

Um projeto de Desenvolvimento Humano e sustentável para o Brasil: Dez motivos para candidatura Própria.



Nelson Soares dos Santos[1]

Itamar Franco, o homem que teve a serenidade para encontrar novos rumos para o Brasil, no dia do lançamento do Plano Real iniciou sua fala com as seguintes palavras:
“Os homens são construídos pela vontade, e esta mesma vontade reunida pela esperança levanta as nações e as projeta no tempo em sua necessária aspiração a eternidade. A vontade, mais do que o vento, mais que as volúpias correntes marinhas trouxe as caravelas a esta terra, para em seguida abrir o caminho aos sertões empurrar a linha da Tordesilhas até a muralha ocidental das cordilheiras e edificar a mais importante das sociedades ao Sul do Equador. A esta vontade tão poderosa tem faltado ao longo dos séculos, e mais ainda, ao longo deste século outra e indispensável virtude, a virtude da Justiça. Desprovido do Espírito da Justiça os homens podem ser individualmente prósperos, mas não fazem ricas as nações, desprovidos de justiça que deve ser o instrumento prático ao dar equidade de valor ao trabalho e aos bens, a moeda perde o respeito dos homens, e longe de servir aos povos, corrompe a sociedade, desfaz os valores morais, destroça a esperança e enfraquece a vontade. Itamar Franco.
Nestes dias  11, 12 e 13 de Abril estaremos em Brasília. O Objetivo é nos unir aos companheiros de luta do Brasil inteiro para discutirmos os rumos do PPS para 2014. Fiquei muito feliz que a enquete colocada no portal do Partido foi concedida a possibilidade de se votar pela candidatura própria, e foi nela que eu votei; e aqui, meio que de chofre, de repente apresento algumas razões, pelas quais, penso, devemos todos lutar por uma candidatura própria do PPS para Presidente da República.  A razão principal é simples: O PPS é hoje um partido de esquerda, democrata, republicano e tem um projeto de desenvolvimento humano e sustentável que o torna diferente de todos os demais.
1. Valorizar o que já foi feito pelo Brasil pelo nosso Partido: Para perceber tal verdade basta analisar as ações e posições dos deputados  federais do PPS nos últimos quatro anos. Basta ler as notícias sobre como o PPS se posicionou na questão da Educação, Código Florestal, Reforma do SUS, A questão da Segurança, o Combate a Corrupção; e mais recentemente, a questão do Tráfico humano, a PEC das domésticas, a Indústria e o Comércio e a política de Comércio Exterior.
2. Na questão da Educação O PPS tem votado e lutado de forma coesa por uma reforma do Modelo da Política Educacional. Foi o único partido da oposição a defender e a lutar pelos 10 % do PIB para a Educação, pela alteração da Idade Escolar para 04 anos, por mudanças na forma de financiamento da Educação; e, o mais importante, o único partido no Brasil, no momento a tratar a Educação com um problema de todo partido e não de uma liderança isolada. No último congresso foi aprovado Resolução na qual todos os prefeitos eleitos pelo partido tratariam a Educação como campo imprescindível da construção dos instrumentos necessários a um novo modelo de desenvolvimento.
3. Na saúde, O PPS tem defendido com todas as suas forças o Sistema único de Saúde, para não permitir que de um lado o Governo o Sucatei, e de outro seja transformado em um espaço de busca do lucro desenfreado por parte dos empresários do Setor
4. Na questão do Tráfico Humano, brilhantemente, nossos deputados tem atuado e mostrado que a questão não é apenas  uma questão menor, mas que envolve uma falta de estrutura social adequada que dê aos nossos jovens esperanças de exercer a cidadania, e portanto, o combate ao tráfico humano é muito mais do que medidas policiais; mostra uma necessidade de fortalecer nossa rede de proteção social com construindo políticos menos patrimonialistas e que dê aos indivíduos a possibilidade de construírem sua própria história. O combate ao tráfico só terá sentido com um investimento em políticas públicas de seguridade social, Saúde pública de qualidade, Segurança e Educação.
5. A sustentabilidade. Quem não se lembra da atuação dos líderes do nosso partido na questão do Código Florestal. Que Marina que nada, O PPS é o verdadeiro e legítimo defensor da Sustentabilidade no Brasil. Para manter-se coerente o partido até perdeu membros da bancada federal. A luta for árdua, mas deu orgulho ver os nossos representantes defender o futuro do nosso planeta, lutar em defesa da própria humanidade com uma mentalidade internacionalista e não apenas pensando em soluções eleitoreiras.
6. A democracia. Muitos insistem em não perceber o aspecto profundamente democrático do PPS. A própria ideia de Rede nasceu no seio do PPS, e muito antes de surgir um partido com o nome “REDE”, o PPS já havia criado a Rede 23 com Instrumento de estabelecer uma conexão mais profunda entre o partido, os movimentos sociais e a Sociedade Civil Organizada. Talvez não tenhamos trabalhado com afinco, planejamento e de forma estratégica para se concretizar tal trabalho, mas isso não diminui a importância da iniciativa. Ter um partido Político o nome de “REDE”, não vai torna-lo diferente dos outros, o que nos torna diferentes é a prática dos nossos parlamentares e lideranças no dia a dia da política e da luta em defesa dos nossos valores republicanos.
7. O modelo de Desenvolvimento. Uma breve olhadela é suficiente para se ver a luta que tem travado os nossos principais líderes para mostrar ao Brasil os furos do modelo de desenvolvimento que o PT aplica ao nosso país. O retorno da Inflação vem sendo alertados há anos, e de forma intensa foi feita por Itamar Franco, o homem que mudou o Brasil e escolheu o PPS para concluir sua carreira política; o endividamento das famílias, a especulação imobiliária, a necessidade da reforma urbana, o fortalecimento do poder local e a discussão premente sobre o Pacto Federativo têm sido enfrentados cotidianamente e sem subterfúgios.
8. O combate a Corrupção. Qual partido tem sido mais coerente no combate a corrupção? Sempre tivemos a coragem de colocar os interesses do país acima dos interesses de crescimento do próprio partido, foi assim no Governo FHC, foi assim no Governo Lula ( tendo sido o primeiro partido a denunciar corrupção no Governo Lula), foi assim recentemente nos últimos episódios, sobretudo no episódio Cachoeira no qual o partido não poupou esforços para dar uma contribuição a uma investigação verdadeira e profunda que mostrasse os verdadeiros laços de corrupção e sua profundidade.
9. Os movimentos Sociais. O PPS tem hoje as melhores propostas para os movimentos sociais no Brasil. Seja no campo da Juventude, de mulheres, do movimento negro, agrário e na defesa dos trabalhadores sindicalizados o PPS propugna sempre pelo equilíbrio, pelo diálogo, pela busca de relações justas que propicie condições para  construção de um modelo social onde todos tenham oportunidades de crescer, desenvolver e tornar-se sujeito de sua história.
10. O combate à miséria. Para o PPS o combate à miséria é muito mais que doar uma bolsa alguma coisa para os cidadãos que precisam. Para o PPS o combate a miséria se faz aliando uma forte infra-estrtura social com mudanças profundas em todas as políticas públicas ( Assistência Social, Segurança, Saúde e Educação), dando aos indivíduos não apenas condição de matar a fome, mas dando-lhes consciência da própria existência. O PPS, não combate apenas a miséria que mata o corpo mas, e muito mais, a miséria que escraviza as mentes e mata a própria alma. O PPS quer que o Brasil tenha cidadãos e não apenas eleitores.
Estes são dez motivos pelos quais votei na enquete pela candidatura própria do PPS. Não é um desejo extemporâneo, não pensado. É uma forma de respeitar o trabalho feito pelos nossos representantes parlamentares nos últimos quatros anos, nos quais acompanhei diuturnamente as ações e o trabalho feito. Não levar até a sociedade este projeto agora, não mostrar a nossa cara, seria não apenas falta de coragem; seria mesmo uma contradição diante de tantas perdas para se mantiver a coerência e o respeito pelos valores democráticos e republicanos de nosso país. Um partido grande não se faz sempre pelo seu tamanho, mas também por suas ideias, força de vontade e espírito de Justiça. Itamar Franco apoiaria esta ideia.


[1] Nelson Soares dos Santos é Pedagogo, Professor Universitário, Mestre em Educação Brasileira, Diretor Geral do Fundação Astrogildo Pereira  - ( Regional Goiás), Secretário Geral do PPS de Goiânia e Membro da Executiva da Direção Estadual do PPS Goiás.

Nenhum comentário:

Postar um comentário