Pesquisar este blog

domingo, 23 de janeiro de 2011

Um encontro de amor.

Mocinha, ainda me lembro do brilho do teu olhar.
teu sorriso, teus gestos,
teu jeito de me abraçar.

Mocinha, ainda me lembro do teu abraço gostoso.
teu olhar inquisidor,
o teu abraço apertado,
o teu beijo amoroso.

Mocinha, ainda me lembro do teu aperto de mão.
distante e insegura,
postura de mulher pura,
com pernas e mãos tremer,
e uma vontade intensa de viver,
o que já estava no coração.

Mocinha, ainda me lembro da força do teu amor.
das tuas lágrimas caindo,
seguidas do teu rosto sorrindo,
o sonho de um novo futuro,
respirando ar mais puro.
O passado atroz maldito,
deitou teu coração aflito,
e tudo se transformou em dor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário